Você sabe o que são vinhos naturais, orgânicos ou biodinâmicos?

 

Veja as opções disponíveis no mercado e onde encontrar.

Na produção orgânica, não se usa nenhum tipo de agrotóxico.

Difícil e desafiador para todos, 2020 nos mostrou quão importante é que, enquanto sociedade, voltemos a nos conectar com a natureza e a valorizar quem prioriza a sustentabilidade em suas produções. Ou seja, quem bota a mão na massa e fabrica produtos de qualidade que tragam o mínimo impacto possível, tanto para o meio ambiente quanto para os animais e para saúde e bem-estar de quem os consome. E é neste cenário que os vinhos têm se destacado.

Vinho natural é aquele que, em sua produção, sofre a menor intervenção possível do seu produtor e que não contém nada artificial, além de trazer a expressão máxima do terroir. É a uva fermentada pela levedura selvagem com respeito a todos os processos da agricultura. Nada além disso. Na produção orgânica, não se usa nenhum tipo de agrotóxico. A biodinâmica vai além disso e visa a produção em um ambiente totalmente autossustentável e no qual todos os elementos se complementam para que se tenha o máximo de naturalização e interação entre fatores possível no processo todo. Entre as produtoras, estão as espanholas La Calandria, Bodega Costador Terroirs Mediterranis e La Microbodega del Alumbro, além da brasileiríssima Viventes, que produz em Colinas (RS).

Para Humberto Ribeiro, sócio e curador do Soul Botequim, boteco especializado em produtos artesanais, esse é um cenário que tende a crescer nos próximos anos. “A gente vem trabalhando há tempos para que todos entendam que é importante valorizarmos quem foca a sua produção na preocupação com a qualidade, com a humanização, com os processos, com o meio ambiente e com a cadeia toda, do fornecedor ao pequeno comerciante. E parece que cada vez as pessoas têm se conscientizado do quão urgente isso é”, pontua.

Em 2020, o boteco Soul Botequim foi convidado para participar do projeto “Tão Longe e Tão perto”, criado em julho pela sommelière Gabriela Monteleone e o especialista Ariel Kogan – da importadora família Kogan -, e que tem como missão apresentar vinhos especiais cuidadosamente selecionados. Esses vinhos já estão plugados nas torneiras do boteco.

Além disso, a casa participou há dois meses da feira Naturebas que acontece todos os invernos há oito anos e em 2020, excepcionalmente, devido à pandemia, caiu em plena primavera e aderiu a um novo formato, com eventos presenciais e virtuais.

Confira abaixo as opções disponíveis no Soul Botequim:

Tinaja – O queridinho do boteco é a ponte entre as sours e o mundo do vinho natural! Produzido com 100% de uvas Moscatel de Alexandria retiradas de videiras bastante antigas. A produtora é a Estación Yumbel, que fica no Valle del Biobío, no Chile. Fermenta junto com as peles em potes de barro por meses. R﹩ 153.

La Calandria Volandera Garnacha 750ml: produzido na região de Navarra, na Espanha, com uvas Garnacha com o processo de maceração carbônica. Um vinho tinto leve, frutado com aroma e sabor a frutas vermelhas. Ótimo para acompanhar queijos e carnes leves. R﹩ 140.

Vinho Naranja Orange De Noir 750ml: fruto de uma nanoprodução, este é um vinho rosé e turvo, pois não é filtrado. Passa pela maturação em barrica de carvalho francês não virgem. É produzido na Catalunha com 70% da uva Sumoll Negre e 30% da Xarel.lo. Ele é bem leve e ideal para qualquer momento. R﹩ 234.

Vivente Pet Nat 750ml: espumante natural branco que traz muito frescor e aromas bastante cítricos. É produzido com 70% de uvas Glera, 25% de Chardonnay e 5% de Moscato de Alexandria. R﹩ 160.

Todos os vinhos acima estão disponíveis no Soul Botequim, que fica na Av. Padre Antônio José dos Santos, 812 – Cidade Monções, São Paulo – SP, 04563-003. O telefone de contato é: (11) 3297-0006. Também dá para fazer os pedidos no site: https://deliverydireto.com.br/soulbotequim/soulbotequim .

#LaCalandria,
#SoulBotequim
#Naturebas
#Tinaja
#ViventePetNat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*