Conheça as caminhoneiras que fazem sucesso com venda de conteúdos na Privacy

 

Sheila Bella e Juli Figueiró faturam alto na plataforma e realizam sonhos que pareciam muito distantes.

Muitas caminhoneiras estão fazendo sucesso com a venda de conteúdo e não só no volante.

A Privacy, maior plataforma de vendas de conteúdos da América Latina, tem apostado em um processo de democratização entre os criadores de conteúdos. A partir disso, diversos casos reais de pessoas comuns têm se destacado, se tornando exemplos para quem pensa em entrar nesse universo. Como é o caso das caminhoneiras Sheila Bella e Juli Figueiró, que resolveram se aventurar na plataforma, acumulando assinantes e, a partir do sucesso obtido, conseguiram realizar seus sonhos, mudando completamente seu estilo de vida. Confira as histórias reais abaixo:

Sheila Bella

Caminhoneira há 13 anos, ganhou evidência ao mostrar a rotina da profissão em suas redes sociais, onde hoje acumula mais de dois milhões de seguidores no Instagram. Em setembro deste ano, resolveu entrar na Privacy e tem arrancado suspiro de milhares de assinantes. “Eu já imaginava que seria sucesso por ter um público que já me acompanha na internet. Por ser uma plataforma brasileira, contato ágil com suporte e por facilitar pagamento para seus assinantes, ajuda muito o crescimento e obviamente o faturamento que é o principal objetivo”, conta a caminhoneira.

Sheila que também é empresária, proprietária de sua própria empresa de transportes, divide seu tempo em suas tarefas diárias, produção de conteúdos para a internet e na criação de seus cinco filhos. “Rodo três noites por semana onde carrego cargas de frutas e verduras, normalmente cargas urgentes. Principalmente nessas noites, enquanto dirijo, que me organizo. Preparo conteúdos de publicidade para marcas, gravo vídeos para as redes sociais e preparo conteúdos para Privacy. Além disso, arrumo tempo para organizar a família e as coisas de casa”, diz a empresária.

Há pouco mais de dois meses na plataforma, a caminhoneira produz conteúdos sensuais, eróticos e explicítos. Para conferir seus conteúdos, o valor é de R$ 100,00 com desconto de 10% no plano trimestral e 15% no semestral. “Tenho muitos motivos para lutar e querer sempre mais, a Privacy veio em boa hora para complementar minha renda e graças a muito trabalho, realizei o sonho da minha filha de comprar seu primeiro caminhão e consegui construir uma casa para meus pais. Isso não tem preço”, finaliza Bella.

Juli Figueiró

Caminhoneira de 30 anos, durante a pandemia postava sua rotina nas redes sociais. Após receber um convite, decidiu abrir seu perfil na Privacy. “No começo achei estranho e pensava que este tipo de trabalho não era pra mim. Com o tempo, me acostumei com a ideia de postar o conteúdo e a plataforma fazer toda parte de cobranças, sem eu precisar conferir pagamentos e me preocupar em retirar o assinante na data correta após o vencimento da assinatura. Além de aceitar PIX e fazer o pagamento de forma rápida”, diz a criadora de conteúdos.

A gaúcha e Miss Bumbum do Rio Grande do Sul, foi a primeira caminhoneira a entrar na plataforma de venda de conteúdos. Com conteúdos caseiros sensuais e de exibicionismo, já faturou mais de R$ 20 mil desde sua estreia na plataforma. “Eu acredito que tudo que a gente planta, lá na frente se colhe. Então tudo que eu estou recebendo é mérito do que venho trabalhando há um tempo”, conta.

Para acompanhar todas as movimentações da Juli na plataforma, o valor é de R$ 79,99. “Entrar para a Privacy e me jogar na venda de conteúdo foi a melhor coisa que fiz. Graças a isso, consegui comprar meu próprio caminhão, viajar, ajudar minha família, fazer procedimentos estéticos, e conquistar coisas que jamais pensei em alcançar”, finaliza a caminhoneira.

A Privacy é a primeira plataforma 100% brasileira de venda de conteúdo e conta, atualmente, com mais de 16 milhões de acessos mensais e 100 mil criadores de conteúdo.

#Privacy
#caminhoneiras
#PIX
#MissBumbumdoRioGrandedoSul

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*