Cinco dicas para escolher a escola do seu filho

Avaliar a estrutura física, a proposta pedagógica e os valores defendidos pelo colégio são os pontos principais.

O ano acabou e você ainda não escolheu a escola em que seu filho vai estudar em 2019? Calma que ainda dá tempo de fazer a matrícula! E para ajudar você a fazer essa difícil tarefa, a coordenadora pedagógica do Colégio Marista Champagnat, de Ribeirão Preto (SP), Juliana Christina Rezende de Souza, dá algumas dicas sobre o que levar em consideração antes de bater o martelo.

É claro que fatores como localização, preço e espaço são relevantes na hora de matricular a criança, mas há outras informações que também devem ser levadas em consideração como a estrutura física, a proposta pedagógica e os valores que o colégio defende, critérios fundamentais para se ter bons resultados no processo ensino-aprendizagem.

“A escola deve estar alinhada com os princípios da família e trabalhar em conjunto para o desenvolvimento integral da criança, transformando-a em um cidadão consciente, comprometido com o bem-estar coletivo é algo que deve ser considerado ao matricular seu filho”, ressalta Juliana.

Confira a seguir cinco dicas importantes que devem ser analisadas:

1 – Valores – avaliar os valores familiares presentes na escola é primordial. Como o colégio aborda a religiosidade, excelência acadêmica, formação humana, entre outros pontos, é um passo importante na hora de escolher a escola. O estilo de aprendizagem da criança também é um quesito para se considerar na hora de selecionar uma instituição de ensino.

2 – Metodologia – entender como é a abordagem pedagógica da escola é fundamental. Conhecer o espaço físico da sala de aula e como é usado, os tipos de avaliações realizadas e quem as elabora são pontos a se considerar. Como é o uso da tecnologia, como é feito o apoio pedagógico e a orientação de estudos também são questões essenciais na hora da visita à instituição.

3 – Formação da equipe – os professores e colaboradores da escola devem ser capacitados para as atividades que exercem. Também é interessante avaliar como acontece o processo de formação continuada da equipe para o desenvolvimento do trabalho pedagógico.

4 – Relacionamento – conferir como é a abordagem para mediação de conflitos também é importante, pois no dia a dia podem surgir dúvidas, conflitos e situações que pedem moderação e orientação de todos os agentes do colégio. Por isso é vital saber como esses assuntos são tratados na escola e se isso está alinhado aos valores da sua família.

5 – Período integral ou ampliado – se seu filho precisa passar mais de um período na escola, lembre-se de conhecer as atividades oferecidas no contraturno, como é a organização dos estudos, projetos, entre outros. Aulas especiais e extracurriculares também precisam ser conhecidas, já que são igualmente importantes para a formação da criança.

Feitas todas as avaliações necessárias e escolhida a escola que melhor se adequa à sua realidade, é interessante visitar o colégio em momento de funcionamento das atividades. Esse momento pode ser decisivo para coletar percepções sobre os momentos da vida escolar e pode influenciar, e muito, na hora de efetivar a matrícula.

#ColegioMaristaChampagnat #JulianaChristinaRezendedeSouza #RibeiraoPreto

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*