Um país diferente: Conheça jovens com projetos inovadores para transformar o Brasil

De apoio governamental à formação de novas lideranças, talentos da Fundação Estudar criam iniciativas de impacto para contribuir com o desenvolvimento do país.

O Brasil passa por um momento político importante, em que estão em pauta maneiras de melhorar a gestão pública e a relação entre sociedade e governos. E esse cenário estimula o surgimento de ideias inovadoras que buscam contribuir para o desenvolvimento do país. Nos últimos anos, por exemplo, a Fundação Estudar percebeu um aumento no número de interessados em gestão pública entre os bolsistas do Líderes Estudar, programa que seleciona jovens de alto potencial para estudar em universidades de ponta no Brasil e no exterior. Apenas em 2018, cerca de 20% dos bolsistas optaram por carreiras relacionadas ao setor.

“Para a Fundação Estudar este é um sinal de amadurecimento do Programa Líderes Estudar que, ao longo dos 27 anos, evoluiu e ampliou a seleção de jovens para os mais diversos campos de atuação, indo além de gestão empresarial e chegando a ciência, academia, empreendedorismo e também a gestão pública. A diversidade, em todos os sentidos, é algo que buscamos para o programa pois para obter uma transformação significativa no Brasil, precisamos de líderes de impacto em todas as áreas”, afirma Anamaíra Spaggiari, Diretora Executiva da Fundação Estudar.

Conheça alguns desses líderes e suas iniciativas de impacto para a construção de um Brasil diferente:

Giovani Rocha – Doutorado/PhD em Ciência Política na Universidade da Pensilvânia

Giovani Rocha, de 26 anos, foi um dos selecionados de 2018. É o único de seus irmãos a pôr os pés em uma universidade. No ensino médio, foi selecionado como Jovem Embaixador pelo Departamento de Estado Americano. Com bolsa integral, avançou para o curso de Economia no IBMEC-RJ e, depois, para o mestrado em Governo, Instituições e Políticas Públicas pela EBAPE/FGV.

Atuou como consultor do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) na Secretaria de Estado de Educação do Pará por meio do Vetor Brasil, organização que também apoiou no desenho da sua estratégia de promoção da diversidade. Foi consultor de políticas educacionais no Banco Mundial e hoje é consultor na Fundação Lemann no Projeto de Diversidade.

Fundou e coordena o Líderes do Amanhã, treinamento de liderança para jovens negros de escolas públicas. “É um dos pilares da minha trajetória: garantir que jovens do mesmo contexto social de que eu venho tenham acesso a oportunidades e se vejam capazes de alcançar essas conquistas”.

Joice Toyota – MBA e Mestrado em Educação em Stanford – co-fundadora da Vetor Brasil

O Vetor Brasil, projeto que fez parte da trajetória de Giovani, foi criado por outra bolsista da Fundação Estudar: Joice Toyota. Ela trabalhou por mais de sete anos em consultorias como Integration e Bain & Company, e decidiu cursar MBA & Mestrado em Educação em Stanford após esse período. Enquanto estudava fora, fundou a Vetor Brasil, uma organização sem fins lucrativos que atua desde 2014 selecionando jovens talentos para auxiliarem governos do Brasil a desenvolverem projetos nas áreas de educação, desenvolvimento econômico e gestão financeira.

Com valores que incluem a diversidade, inclusão, ética e equidade, a missão do Vetor é criar uma rede engajada e diversa que potencialize o setor público brasileiro, melhorando assim a qualidade dos serviços oferecidos a quem mais precisa e promovendo a redução das desigualdades.

Wellington Vitorino – Administração de Empresas no IBMEC – RJ – responsável pelo PróLíder

Wellington Vitorino estudou em escolas públicas durante grande parte do seu período escolar. O carioca vendia picolé em um Batalhão de Polícia Militar e conseguia apresentar boas notas em seu boletim. Ganhou bolsa para cursar o 3º ano do ensino médio em escola particular e tirou nota máxima na redação do Enem. Ele cursou Administração de Emrpesas no IBMEC- RJ e atualmente é responsável pelo ProLíder, uma iniciativa independente que tem como objetivo preparar os futuros líderes públicos do Brasil.

O programa oferece debates, oficinas e mentoria que auxiliam na criação de projetos de melhorias ou empreendimentos que contribuirão para o desenvolvimento do país. Dessa maneira, um dos objetivos do projeto é ser participante da criação de um movimento de jovens comprometidos com a sociedade.

#FundacaoEstudar  #LideresEstudar #AnamaíraSpaggiari #IBMECRJ

Deixe um comentário