Vivo apresenta um novo olhar sobre o uso da tecnologia com posicionamento “Tem Hora Pra Tudo”

Reflexão sobre o uso consciente da conexão passa a nortear a comunicação da marca em campanha assinada pela agência Africa.

A Vivo estreiou dia 29/10 dois filmes da nova campanha “Tem Hora pra Tudo”. Com o novo posicionamento institucional a empresa convida as pessoas a refletirem sobre o melhor uso da tecnologia e estarem conectadas de forma consciente. Os filmes trazem a mensagem que cada conexão, seja ela tecnológica ou não, tem a sua hora e deve ser vivida por inteiro.

“As pessoas nunca estiveram tão conectadas quanto hoje e entendemos que esta discussão é muito importante, pois permeia o dia a dia de todos. Nosso propósito é oferecer a melhor conexão para que as pessoas possam ter as melhores experiências e isso inclui também saber o momento de se desconectar”, explica Marina Daineze, diretora de Imagem e Comunicação da Vivo.

A campanha traz peças nas quais as pessoas escolhem se desconectar para aproveitar o momento presente. Visualmente, é o botão de “deslize” do celular – interface que permite aceitar ou recusar uma ligação ou notificação – que sinaliza a escolha entre conexão e desconexão

“Por sermos provedores dessas conexões entendemos que devemos liderar esse movimento para o uso balanceado e consciente. A ideia é convidar a refletir sobre o momento e o uso dessas conexões – não é uma proposta para desconectar, mas para se conectar no que importa em cada momento”, complementa Marina.

Os filmes “Casal” e “Ninar” marcam a estreia da campanha e colocam em foco o relacionamento amoroso e maternal. No primeiro, um casal está na cama quando barulho de notificação soa. Entre “Visualizar” e “Namorar”, a mulher desliza para o namorar, priorizando a conexão do momento. Já “Ninar” mostra uma mulher cantando uma música de ninar e colocando seu filho para dormir. Para estar conectada por inteiro com a criança, ela desliga o celular que tocava. Os filmes tem como trilha sonora uma releitura da música Spending My Time, da banda sueca Roxette.

Com criação da Africa, a linguagem das peças mostra a mudança no posicionamento institucional: planos fechados, poucos elementos e uma trilha sonora especialmente selecionados para construir mais intimidade com o público.

Para Sophie Schonburg, Diretora Executiva de Criação da agência Africa, não é sobre criticar o uso da tecnologia. “Não seria nem inteligente, nem honesto, a Vivo demonizar o uso da tecnologia. O grande mérito dessa campanha é o tom certo. Não estamos apontando o dedo para ninguém, apenas relembrando para as pessoas o quanto viver uma conexão de cada vez faz com que você a viva por completo”.

Além disso, cada peça se dedica a um tema e um tipo de relacionamento específico. A campanha contará com comerciais para TV aberta e a cabo, Digital (obviamente), mídia exterior, revista e cinema. A criação e estratégia são assinadas pela Africa.

Confira:

#Vivo #TemHoraPraTudo #Africa #Sophie Schonburg

Deixe um comentário