Jack White anuncia o lançamento de “Boarding House Reach”, seu terceiro álbum solo, para 23 de março

No novo álbum, White expande seu repertório musical com o que talvez seja seu trabalho mais ambicioso até o momento.

O cantor Jack White se prepara para lançar “Boarding House Reach”, seu terceiro álbum solo, que chega em 23 de março pela Sony Music (Third Man/Columbia). Primeiro projeto em quatro anos, “Boarding House Reach” foi produzido por Jack White III e gravado no Third Man Studio em Nashville, Tennessee, no Sear Sound, em Nova York, e no Capital Studios, em Los Angeles, Califórnia. A mixagem ficou por conta de Bill Skibbe, Joshua V. Smith e White no Third Man Studio.

Em “Boarding House Reach”, White expande seu repertório musical com o que talvez seja seu trabalho mais ambicioso até o momento – uma coleção de músicas simultaneamente atemporais e modernas. Escrito e concebido durante um período de reclusão, quando se alojou em um apartamento sem nenhuma distração do mundo exterior, White usou exclusivamente o mesmo tipo de equipamento de quando tinha 15 anos (um gravador de quatro faixas, um mixer simples e o mais básico de instrumentação). O álbum explora um notável alcance de terreno musical – “crunching  rock´n roll”, electro, hard funk, proto punk, hip hop, gospel blues e até country são reprogramados e renovados para se ajustarem à visão de White e a seu bom senso de experimentação. “Boarding House Reach” é um testemunho da amplitude do poder criativo de Jack White e sua audaz ambição artística.

O projeto traz White nos vocais, guitarras acústicas e elétricas, baterias e sintetizadores. “Boarding House Reach” conta comoapoio de uma notável nova formação de músicos que inclui o baterista Louis Cato (Beyoncé, Q-Tip, John Legend, Mariah Carey), os baixistas Charlotte Kemp Muhl (The Ghost of a Saber Tooth Tiger) e NeonPhoenix (Kanye West, Lil Wayne, Jay-Z), sintetizadores  por DJ Harrison e Anthony “Brew” Brewster (Fishbone, The Untouchables), os tecladistas Neal Evans (Soulive, Talib Kweli, John Scofield) e Quincy McCrary (Unknown Mortal Orchestra, Pitbull), os percussionistas Bobby Allende (David Byrne, Marc Anthony) e Justin Porée (Ozomatli), as backings vocals Esther Rose e Ann & Regina McCrary do trio gospel de Nashville The McCrary Sisters, e também os colaboradores de longa data como os bateristas Daru Jones (Nas, Talib Kweli) e Carla Azar (Autolux, Depeche Mode, Doyle Bramhall II). O cantor e compositor C.W. Stoneking também contribui com uma emocionante performance para a faixa “Abulia e Akrasia”.

História de sucesso

O mais novo de 10 filhos, criado no sudeste de Detroit, e morando desde 2005 em Nashville, Jack White é um dos mais renomados artistas das últimas décadas.

Quando o White Stripes iniciou em 1997, ninguém, muito menos White, acreditou que uma banda com peças vermelhas, brancas e pretas, composta por duas pessoas, atingiria o público mainstream. O autointitulado álbum de estreia e o segundo projeto “De Stijl”, foram elogiados pela crítica e construíram uma sólida base de seguidores underground, mas foi o lançamento de 2001, “White Blood Cells” que trouxe o White Stripes para as capas de revistas, enquanto cativava uma audiência ainda maior em sua turnê mundial. “Fell in Love With A Girl” foi o primeiro hit da banda, acompanhado de seu icônico clipe todo feito com Lego, sob o comando de Michel Gondry, considerado pela Pitchfork como o melhor videoclipe dos anos 2000.

O lançamento de “Elephant” em 2003 não só solidificou a reputação da banda, mas também trouxe o single #1 “Seven Nation Army”, que desde então passou a ser um dos cantos mais populares em estádios de todo o mundo.

Em 2004, ao juntar-se à Loretta Lynn na produção e vocais do álbum “Lear Rose”, Jack White levou o Grammy de “Melhor álbum Country” e “Melhor colaboração vocal country”, com o single “Portland, Oregon”.

White acumula 12 Grammys em 8 categorias diferentes, com 34 indicações na carreira, além de ter sido homenageado com o “President’s Merit Award” prêmio dado pela Producers & Engineers Wing, em 2017.

Em 2006, o cantor formou uma “nova banda com antigos amigos”, a The Raconteurs. O álbum de lançamento, “Broken Boy Soldiers”, inclui o single número 1 “Steady, As she Goes” e apresentou um lado diferente de White, mostrando suas habilidades de compositor, além dos vocais e guitarra de forma compartilhada.  

Em 2009, White retornou a seu “instrumento original”, a bateria, e iniciou a banda “The dead Weather” com os membros do The Kill, Queens of the Stone Age e The Greenhornes.

Com dois álbuns em dois anos e cativantes e obscuros shows que conquistaram as audiências mais curiosas, “The Dead Wheater” confirmou a versatilidade musical de Jack White. Em 2015, a banda lançou seu terceiro álbum, “Dodge and Burn”, que conquistou uma indicação ao Grammy na categoria “Melhor Vídeo”, com a música “I Feel Love (Every Million Miles).”

Ainda em 2009, White abriu as portas da sua própria gravadora em Nashville, Thrid Man Records, onde, desde então, produziu e lançou mais de 500 gravações em pouco mais de 9 anos. Em sua lista de artistas estão Margo Prince, U2, Pearl Jam, Neil Young, Lillie Mae, Melvins, Dwight Yoakam, Wolf Eyes, My Bubba, Loretta Lynn, SHIRT, Ennio Morricone, The Dead Weather. Devido à grande variedade de produções em vinil, a empresa ganhou reputação como líder em gravações no formato nos Estados Unidos.

Em 24 de abril de 2012, White lançou seu álbum de estreia solo “Blunderbuss”, pela Third Man Records/Columbia. “Blunderbuss” chegou ao topo das paradas norte-americanas – pela primeira vez na carreira de White – e foi o vinil mais vendido nos EUA em 2012, além de ter sido a estreia solo melhor colocada nos charts norte-americanos. “Blunderbuss” também chegou ao primeiro lugar no Reino Unido, Canadá e Suíça, e recebeu cinco indicações ao Grammy, incluindo de “Álbum do Ano”, “Melhor álbum de Rock”, “Melhor música de Rock”, com “Freedom at 21”, e no ano seguinte, “Melhor Performance de Rock” e “Melhor Vídeo” com “I’m Shakin’”.

Em junho de 2014, White lançou “Lazaretto” (Third Man Records/Columbia), que sucedeu o disco de Ouro “Blunderbuss”. Mais uma vez alcançando o topo das listas norte-americanas, além de Canadá e Dinamarca, “Lazaretto” não só quebrou o recorde de vendas de vinil na primeira semana, com 40.000 copias vendidas nos EUA, como também foi o vinil mais vendido de 2014. Até a data, “Lazaretto” em vinil ultrapassa 210,000 cópias vendidas no mundo todo. A faixa-título ganhou um Grammy de “Melhor Performance de Rock”. “Lazaretto” recebeu ainda duas nomeações ao Grammy por “Melhor álbum Alternativo” e “Melhor Música de Rock”, também pela faixa-título.

“Jack White Acoustic Recordings 1998 – 2016” saiu no dia 9 de setembro de 2016 (Third Man/Columbia/XL Recordings). Com 26 faixas, o LP e CD duplos possui diferentes versões, remixes e músicas inéditas do The White Stripes, The Raconteurs, além de material solo, todo remasterizado. No mesmo ano, Jack se uniu aos Muppets para a gravação da música de Stevie Wonder “You Are the Sunshine of My Life”, acompanhando os lendários músicos Dr Teeth e Electric Mayhem. A música foi apresentada no último episódio da temporada.

Em 2017, White continuou seu trabalho de produtor ao lado de nomes como Beyoncé, A Tribe Called Quest, Lillie Mae, e The American Epic Sessions com Alabama Shakes, Nas, Elton John, Beck, e Willie Nelson & Merle Haggard, entre outros.

HASHTAGS: #JackWhite #BoardingHouseReach #novoalbum #novoalbumdeJackWhite #SonyMusic #ThirdManColumbia

Deixe um comentário