Instituto Semeia lança 2ª edição do ‘Guia para visitação em áreas protegidas no contexto da Covid-19’

‘A novidade desta edição é que o conjunto de diretrizes do Guia agora abrange outros tipos de áreas protegidas, além de parques urbanos e naturais’, diz Fernando Pieroni, diretor-presidente do SEMEIA.

O Guia é voltado para apoiar equipes gestoras dos parques e demais áreas protegidas.

O Instituto Semeia lançou, neste mês, a 2ª edição do ‘Guia para visitação em áreas protegidas no contexto da Covid-19’. O material contou com a revisão técnica do pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), e professor da Universidade Federal da Bahia, Guilherme de Sousa Ribeiro, especialista em infectologia e epidemiologia clínica e aplicada à saúde coletiva, e do especialista e pesquisador em áreas protegidas Cláudio C. Maretti, pós-doutorando em Geografia pela Universidade de São Paulo.

De acordo com Fernando Pieroni, diretor-presidente do SEMEIA, o Guia é voltado para apoiar equipes gestoras dos parques e demais áreas protegidas a implementar e aprimorar as ações preventivas ao coronavírus (especialmente nesta época de fim de ano em que muitas pessoas viajam para destino naturais).

“A novidade desta edição é que o conjunto de diretrizes do Guia agora abrange outros tipos de áreas protegidas além de parques urbanos e naturais. A publicação também traz um apêndice dedicado à reflexão do Turismo de Base Comunitária no contexto de pandemia. Além disso, dispõe de atualizações de protocolos e diretrizes, além de recomendações e orientações relacionadas ao comportamento do público às atividades e usos, à operação e comunicação nas áreas protegidas brasileiras”, disse Pieroni.

Ele destaca que a retomada das atividades nesses locais deverá respeitar uma série de medidas. “Estamos em uma curva de aprendizado, que será gradual e complexa. Há cuidados e protocolos, até para evitar aglomerações, que deverão ser respeitados. Manter o distanciamento social e higienização pessoal, lavar as mãos com frequência e fazer uso do álcool gel – integram essas medidas”, afirma Pieroni.

A 2°edição do guia pode ser lido no link: http://www.semeia.org.br/publicacoes.php

#InstitutoSemeia #Fiocruz #Covid19

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*