Conheça os chás que podem melhorar a concentração e o foco no trabalho e estudos

 

Um ótimo hábito para quem quer ter maior disposição e foco no dia a dia é o consumo de chás.

A chegada da pandemia impôs diversas mudanças aos estilos de vida de várias pessoas. Muitos se viram obrigadas a adotar o ensino a distância e se adaptar ao home office. No entanto, ser produtivo nos estudos e trabalho diante todas as distrações do ambiente familiar não é tarefa fácil. Conciliar a organização doméstica, os cuidados com os filhos e as atividades escolares, acadêmicas ou profissionais demandam muito ânimo e concentração.

Um ótimo hábito para quem quer ter maior disposição e foco para lidar com as responsabilidades do dia a dia é o consumo de chás. “O bom desempenho físico e cognitivo estão diretamente ligados a uma vida saudável, por isso é muito importante que as pessoas se dediquem em manter uma alimentação nutritiva, bem como uma hidratação adequada. As infusões não só ajudam a equilibrar os níveis de água do organismo, como também podem garantir maior energia para encarar a rotina diária e tornar o nosso cotidiano mais fértil e produtivo”, ressalta Ana Paula Baptista, psicóloga, empresária e proprietária da empresa mineira especializada na fabricação de chás Soulchá.

O chá verde, por exemplo, fornece maior vigor e pujança ao corpo e auxilia na melhora da memória, concentração e velocidade de raciocínio. “Já o chá preto, além de proporcionar energia, ainda aperfeiçoa a atividade cerebral e aprimora a sua capacidade de processamento de informações. Assim como o verde, ele é extraído da mesma planta, a Camellia sinensis, que é bastante rica em cafeína. Tal substância estimula o sistema nervoso central e pode contribuir para a elevação do humor e redução da fadiga”, recomenda.

A infusão de canela possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que auxiliam na manutenção da saúde das células como um todo, as resguardando de danos e colaborando na metabolização energética. “Ela ajuda a impulsionar a função cerebral, a memória, o foco e a performance cognitiva. Outra opção é o chá mate. Por possuir uma considerável quantidade de cafeína, ele atua no desenvolvimento do ânimo e majoração da disposição. Ele ainda contém polifenóis e substâncias capazes de inibir a oxidação celular e promover a concentração”, indica.

Por fim, uma boa alternativa para quem é sensível a cafeína e precisa se manter ativo por várias horas é o chá de gengibre. Ele possui o composto shogaois, que já foi associado a melhora nas funções cognitivas e redução da perda de células nervosas. Além de termogênica e estimulante, a infusão também tem efeito antioxidante e pode ajudar na prevenção de inflamações no cérebro.

“É essencial lembrar que estes chás devem ser ingeridos com moderação e, se possível, com indicação médica. Eles não são recomendados para gestantes, portadores de doenças cardiovasculares, úlceras e gastrites ou para pessoas com quadro de ansiedade”, alerta.

#Soulcha
#chaverde
#chamate
#chadegengibre
#shogaois

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*