Como escolher o Autêntico Bacalhau da Noruega

Seafood from Norway é a marca representada pelo Conselho Norueguês da Pesca, que, além de ser usada globalmente, é símbolo de origem e da qualidade dos produtos exportados pela Noruega para o mundo todo.

O Bacalhau da Noruega é altamente saudável, tem baixo teor de gordura, é fonte de proteínas, cálcio, ferro e rico em ômega 3.

O autêntico Bacalhau da Noruega é o Gadus morhua (da família Gadidae), que vem das águas frias e cristalinas dos mares que circulam o Polo Norte, na Noruega, garantindo a melhor qualidade e o sabor único. A Noruega possui o maior estoque de bacalhau do mundo. O Bacalhau da Noruega é altamente saudável, tem baixo teor de gordura – cada 100g do peixe possui aproximadamente 160 calorias, é fonte de proteínas, cálcio, ferro e rico em ômega 3, além de ser livre de conservantes artificiais, porque é apenas peixe e sal.

O conhecimento e a experiência únicos da Noruega constituem uma das maiores comunidades de pesquisa e desenvolvimento em pesca e produtos do mar do mundo. Seafood from Norway é a marca representada pelo Conselho Norueguês da Pesca, que, além de ser usada globalmente, é símbolo de origem e da qualidade dos produtos exportados pela Noruega para o mundo todo.

Todo bacalhau norueguês é certificado como sustentável, de acordo com as normas da MSC (Marine Stewardship Council – que estabelece e gera padrões de pesca sustentável e rastreabilidade de produtos pesqueiros). As normas incluem desde o tamanho dos peixes até os métodos de pesca. Além disso, o país nórdico possui sistemas de rastreabilidade que permitem que as informações sobre os peixes sejam rastreadas em toda a cadeia de alimentos.

Todos os dados sobre o Bacalhau da Noruega estão disponíveis, desde a área em que foi feita a pesca até os detalhes sobre a saúde dos peixes. A Noruega foi um dos primeiros do mundo a introduzir esse sistema, incluindo certificados de pesca que são transmitidos às autoridades pesqueiras do país.

Como escolher o Bacalhau
Para ter certeza, no momento da compra do produto, é preciso saber diferenciar todos os tipos de bacalhau. A consultora técnica e coordenadora de treinamentos do Conselho Norueguês da Pesca, Giselle Martins, explica as diferenças e tipos de peixes encontrados no mercado.

No Brasil, é possível encontrar cinco tipos de peixes salgados secos da família Gadidae, que a partir da nova legislação de janeiro de 2019 devem ser denominados da seguinte forma:

– Bacalhau Salgado Seco Gadus morhua- Considerado o mais nobre bacalhau, esse tipo é pescado no Atlântico Norte e apresenta postas altas, largas e coloração palha e uniforme, quando salgado e seco. Depois de cozido, sua carne se desfaz em camadas claras e tenras.

– Bacalhau ou Bacalhau-do-Pacífico Salgado Seco – Gadus macrocephalus – Comercializado no Brasil há cerca de 15 anos, o macrocephalus também é conhecido como Bacalhau do Pacífico e, em comparação ao morhua, possui coloração levemente mais branca e sua carne não desmancha em lascas, mas pode ser facilmente desfiada.

– Saithe Salgado Seco Pollachius virens – Possui sabor mais forte e coloração menos clara. Quando cozido, sua carne macia desfia com facilidade. É o tipo perfeito para preparar bolinhos, saladas e ensopados.

– Ling Salgado Seco – Molva molva – O mais estreito entre os peixes tipo bacalhau. Sua carne branca e apetitosa é perfeita para pratos desfiados, assados, cozidos e grelhados.

– Zarbo Salgado Seco – Brosme brosme – É o menor entre os cinco peixes tipo bacalhau. É mais roliço do que o Ling e possui barbatana dorsal contínua. Indicado para a preparação de pratos desfiados, caldos, pirões e bolinhos.

É importante analisar a cor do peixe, pois isso mostra a qualidade do produto. A coloração varia de acordo com o tipo de bacalhau e a cor branca não significa um produto melhor. O bacalhau deve estar seco, sem nenhuma parte visivelmente úmida e descolorida.

Na hora da compra, é importante checar a origem do produto para ter a certeza de que está levando para casa o autêntico Bacalhau da Noruega. Busque pelas etiquetas, logo e pergunte ao vendedor para se certificar que o produto é realmente exportado pela Noruega.

Como dessalgar
Após o dessalgue do bacalhau, ele pode ganhar até 30% a mais de volume. Coloca-se o bacalhau em água fria, com pedras de gelo, dentro da geladeira. Usar duas partes de água para cada parte de bacalhau, mantendo o recipiente na geladeira para conservação. O tempo de dessalgue depende da altura das postas, seguindo a indicação:

– Bacalhau Desfiado: 6 horas (trocar a água de 3 em 3 horas)
– Postas normais: 24 horas (trocar a água de 6 em 6 horas)
– Postas grossas: 40 horas (trocar a água de 8 em 8 horas)
– Postas muito grossas: 48 horas (trocar a água de 8 em 8 horas)
– Lombos muito grossos: 72 horas (trocar a água de 8 em 8 horas)

Dicas de receitas
Arroz de Brócolis com Bacalhau da Noruega

Tempo de preparo: 20-40min. Grau de dificuldade: Fácil / Rende 4 porções
Ingredientes:
– 230g de Bacalhau da Noruega
– 65g de azeitona verde
– 1 tomate
– 1 cebola
– ½ xícara de azeite de oliva
– 130g de brócolis
– 2 xícaras de arroz
– 2 dentes de alho

Modo de fazer:
Leve uma frigideira ao fogo com o alho, o azeite, o tomate em pedaço e a cebola. Junte o bacalhau ao molho e deixar ferver um pouco.
Misture com o arroz cozido e coloque na travessa. Enfeitar com os brócolis (cozido no vapor) e as azeitonas.

Bacalhau da Noruega à Lagareiro
Tempo de preparo: 20-40min. Grau de dificuldade: Fácil / 4 porções
– Ingredientes: 600g de Bacalhau da Noruega
– 1kg de batata
– 3 dentes de alho
– Azeite de oliva
– Sal grosso

Modo de fazer o Bacalhau:
Coloque as postas de bacalhau em um tabuleiro, junte os dentes de alho picados e regue com azeite.

Batatas: Lave bem as batatas com casca e coloque em outro tabuleiro e salpique com sal grosso. Leve os tabuleiros ao forno a 200 graus, por aproximadamente 40min. Vá regando o bacalhau com o azeite do assado. Quando as batatas estiverem assadas, esmague-as ligeiramente coma ajuda de um pano até a casca estalar.
Coloque as batatas na travessa do bacalhau, cubra com azeite do assado e sirva.

#BacalhaudaNoruega #SeafoodfromNorway #Bacalhau #Gadusmorhua #Gadusmacrocephalus #Saithe #Ling #Zarbo #MSC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*