Shakespeare na reprodução humana: “Ser ou Não (In)Fértil — Caminhos e Conquistas” traz 430 dúvidas esclarecidas sobre o tema

Livro é indicado às pessoas que encontram dificuldades em engravidar e também pode se tornar um guia para médicos e jornalistas de saúde.

O título deste livro não foi escolhido por acaso. Ele é inspirado em uma das frases mais famosas da literatura mundial: “Ser ou não ser, eis a questão” (Be or not to be, that is the question). Esta fala faz parte do monólogo do personagem Hamlet na peça de mesmo nome do bardo inglês William Shakespeare.

Na obra, Hamlet sofre com as suas angústias mal resolvidas e a dificuldade em achar as respostas e os caminhos para a felicidade e o alivio de suas frustrações, que não eram poucas. Nada fácil.

“Neste livro, faço o contraponto desta história e procuro esclarecer todas as dúvidas e questionamentos até hoje não respondidos no mundo da medicina reprodutiva e trazer um certo alívio para médicos e pacientes. Espero que o conteúdo desta obra ajude todos que precisam buscar o melhor caminho para a solução de possíveis dificuldades em conseguir a gestação e construam uma abençoada família”, afirma o autor, o médico ginecologista Arnaldo Schizzi Cambiaghi, especialista em reprodução humana e responsável técnico do Centro de Reprodução Humana do IPGO (Instituto Paulista de Ginecologia e Obstetrícia) em São Paulo.

Cambiaghi acredita tanto que a fertilidade pode ser prevenida, preservada e tratada que não só atende seus pacientes para que alcancem o sonho de ter filhos, como também é autor de vários livros que têm como objetivo explicar, por exemplo, as dúvidas mais comuns sobre reprodução assistida, quais os tratamentos e leis que vigoram no Brasil.

Nova edição

Agora, “Ser ou Não (In)Fértil — Caminhos e Conquistas”, originalmente editado em 2005, está ganhando a quinta edição, atualizada e ampliada. Nela, o especialista responde 430 questões, indo das mais comuns àquelas que o leitor sequer poderia suspeitar que precisaria ou gostaria de saber.

O público alvo do livro são todas as pessoas que queiram engravidar, as que estão tentando e encontrando dificuldades; a comunidade LBTGQUIA+ e solteiros que queiram partir para uma “produção independente.

Um guia para jornalistas

Jornalistas e colunistas que escrevem sobre saúde, fertilidade, gravidez e maternidade também podem fazer do livro um guia de pesquisas para matérias ou para tirar dúvidas sobre temas como doação de óvulos e sêmen; útero de substituição (“barriga de aluguel”) e limites de idade para tratamento e congelamento de óvulos; tratamentos disponíveis no país e as regras do CFM (Conselho Federal de Medicina), por exemplo.

Médicos, em especial os ginecologistas, também podem se interessar. Isso porque, esses profissionais, na maioria das vezes, são os primeiros a ouvirem as dúvidas, queixas e desabafos das pacientes em seus consultórios. Por não serem especialistas na área de reprodução humana ou infertilidade, podem não conseguir responder de imediato a alguma dúvida. Aqueles que estão dando os primeiros passos na especialidade também podem tirar proveito da bem sucedida experiência que Cambiaghi adquiriu ao longo de anos de atendimento, pesquisa e estudo, e que agora busca compartilhar neste livro.

Entre os principais tópicos abordados nos capítulos da obra estão:

– Exames para avaliação da fertilidade do homem e da mulher.

– Abortamento de Repetição.

– SOP – síndrome dos ovários policísticos.

– Endometriose.

– Inseminação artificial.

– Fertilização in vitro.

– Doação e recepção de óvulos.

– Gravidez em casais homoafetivos.

– Dieta da fertilidade.

SERVIÇO:

“Ser ou Não (In)Fértil — Caminhos e Conquistas”

Editora La Vida Press

315 páginas

Preço: R$ 63,00. Preço promocional até 28/02 R$ 50,40.

À venda no site – clicando aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*