Dia da Pizza!!! Dicas de harmonização para receitas tradicionais e descomplicadas 

Sommelière da Wine dá dicas de harmonização para diversos sabores e propostas de pizza, inclusive as descomplicadas.

Para celebrar este dia, a sommelière separou algumas propostas certeiras de receitas e sugestões de harmonização.

No dia 10 de julho é celebrado o Dia da Pizza, um dos pratos mais consumidos no Brasil e no mundo em ocasiões casuais. A combinação harmônica entre vinhos e pizzas é capaz de transformar uma refeição comum em uma experiência gastronômica. Seja uma pizza de margherita do restaurante favorito ou uma rápida pizza de frigideira improvisada, há sempre uma escolha que favorece os sabores de cada receita. “Os vinhos jovens e frutados complementam pizzas leves, enquanto exemplares mais estruturados harmonizam com sabores intensos”, diz Thamirys Schneider, sommelière da Wine, o maior clube de assinatura de vinhos do mundo.

Para celebrar este dia, a sommelière separou algumas propostas certeiras de receitas e sugestões de harmonização. Confira!

Pizza de calabresa – pizza de calabresa é o sabor favorito dos brasileiros. Para esta harmonização, interessa trazer vinhos tintos mais estruturados elaborados com as uvas Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Carménère. E, se a calabresa estiver com toques levemente picantes, vale harmonizar com um exemplar elaborado com a Syrah.

Na dúvida, a aposta certeira é trazer um rótulo da uva Cabernet Sauvignon, a rainha das uvas tintas famosa no mundo todo, inclusive no Brasil. Uma boa sugestão é o chileno Metropolitano D.O. Valle Central Cabernet Sauvignon 2023, um vinho elegante, com taninos refinados e agradável persistência. Os três meses em carvalho francês trouxeram mais estrutura ao exemplar, sem atropelar as características primárias do vinho.

Pizza Napolitana Margherita – A Margherita, coberta com molho de tomate, queijo mussarela e manjericão fresco, é o sabor de pizza mais tradicional entre os italianos, e também muito apreciado pelos brasileiros. Uma boa ideia é harmonizar a pizza também com um vinho italiano.

Um bom caminho é buscar vinhos feitos com a uva Sangiovese, refrescante e muito gastronômica, tipicamente italiana. A indicação é o rótulo Cecchi Sagrato D.O.C.G. Chianti Riserva 2019, que amadureceu por 6 meses em barricas de carvalho, depois, ficou mais 18 meses em garrafa antes de ser comercializado. Trata-se de um vinho com aromas de frutas pretas, cereja preta madura, especiarias, violeta e ervas. Na boca, é intenso, com boa acidez, taninos aveludados e longo final.

Pizza caseira de frigideira

Após um dia agitado, uma pizza caseira de frigideira é uma opção prática e rápida de preparar. É possível fazê-la com poucos ingredientes e personalizar o recheio conforme a preferência. Se a receita for elaborada com calabresa, coberta com queijo muçarela, azeitonas, cebola, orégano e molho de tomate, a recomendação é um vinho jovem, frutado, de corpo médio, com taninos macios e notas herbáceas.

Exemplares Carménère e Cabernet Sauvignon chilenos são boas opções. O V9 Reserva Carménère 2023, do Valle de Colchagua pela Viña Ventisquero, possui notas frutadas, tostado sutil, especiarias e notas herbáceas, com um sabor macio.

Pizza caseira de pão de forma – Outra opção de fácil preparo, que utiliza ingredientes disponíveis em casa, é a pizza de pão de forma. O nome sugere simplicidade, permitindo a criação de diversas combinações de sabores. Presunto e peito de peru são opções comuns para a cobertura dessa pizza. Para harmonizar, recomenda-se um vinho tinto leve, jovem, frutado, com taninos discretos e boa acidez. A indicação de rótulo é o espanhol Mosen Pierre Tempranillo, que conta com notas de frutas vermelhas e pratas, maciez e corpo médio.

Pizza caseira fit – Para aqueles que procuram uma opção saudável, uma boa receita de pizza fit pode ser feita com base de farinha e aveia e receber o recheio conforme a preferência. Para manter o conceito fit, a sugestão é usar o molho de tomate natural, manjericão fresco, tomatinhos cereja e muçarela de búfala.

Essa alternativa mais leve harmoniza bem com um vinho tinto jovem, frutado, com taninos delicados e acidez refrescante, como os vinhos elaborados com a uva Pinot Noir. O chileno (Oops) D.O. Valle De Leyda Pinot Noir 2022é um exemplo adequado, apresentando notas de frutas vermelhas, como cereja e frutas silvestre, e algumas notas sutis minerais e herbais, este exemplar de refrescante e de corpo leve deve acompanhar bem um prato fit.

#DiaDaPizza #ThamirysSchneider #Sommelière  #Wine #VinhosEPizzas #Vinhos ##Pizzas #HarmonizaçãoPizza #Harmonização

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*