Saiba o que é Cirurgia Bucomaxilofacial e quais as mais comuns

 

Doutor Fábio Ricardo Loureiro Sato conta a importância de cada um desses tratamentos.

Apesar do nome complicado, esse especialista realiza inúmeros procedimentos conhecidos entre a população.

Segundo o Colégio Brasileiro de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, atualmente, existem mais de dois mil profissionais dessa área no Brasil. Mas, afinal, o que faz um cirurgião bucomaxilofacial?

Formado em odontologia, este profissional tem especialidade em traumas da face, amplo conhecimento em patologias maxilofaciais, além de ser preparado para corrigir deformidades do rosto. Apesar do nome complicado, esse especialista realiza inúmeros procedimentos conhecidos entre a população.

Pensando nisso, o doutor Fábio Ricardo Loureiro Sato, cirurgião bucomaxilofacial, resolveu listar os cinco principais tratamentos dessa especialidade e mostrar a importância de cada um deles:

– Cirurgia ortognática

Essa cirurgia tem como objetivo melhorar a oclusão e a estética facial, tornando o rosto mais simétrico e harmônico. Contudo, não é um procedimento isolado e está acompanhado de um acompanhamento pré e pós odontológico. Ela soluciona inúmeras dificuldades, que comprometem inclusive o sono, e previne problemas futuros, como disfunção temporomandibular e retração da gengiva.

– Traumas

Normalmente, são cirurgias de urgência que acontecem devido a um acidente que o paciente sofreu, como automobilísticos e agressões, que afetam a face. Por ser no rosto, são tratados delicadamente para recuperar as funções e manter a estética. Segundo uma pesquisa realizada pelos alunos da Universidade Federal do Pará, dos traumas recebidos em hospitais, os faciais são mais prevalentes, ou seja, esse cirurgião é de extrema importância no ambiente hospitalar.

– Articulação temporomandibular

Esse procedimento é realizado quando essa região sofre uma doença que desgasta os ossos da mandíbula e que causa dor e incômodos. Por se tratar de uma região muito importante para funções diárias, como comer, falar e bocejar, o tratamento tem que ser feito para que a pessoa volte a ter uma rotina comum.

– Implantes

Poucas pessoas sabem, mas o cirurgião bucomaxilofacial também realiza os implantes dentários. Na maioria das vezes, essa cirurgia tem mais relação com a estética e função mastigatória, já que está relacionado com problemas com o sorriso e autoestima do paciente. Em casos de perda de toda a arcada dentária, o procedimento traz de volta a possibilidade de mastigação.

– Tumores e cistos

Inúmeros podem ser os fatores que levam uma pessoa a desenvolver tumores e cistos, mas o que podemos ter certeza é que independente disso o tratamento adequado deve ser feito, e em muitos casos é necessário procedimento cirúrgicos, que é feito pelo especialista bucomaxilofacial. Se não tiver tratamento correto, o paciente pode evoluir com recidivas com importantes sequelas estéticas e funcionais.

“Agora fica mais fácil entender a importância desse profissional e a quantidade de procedimentos que ele é especializado em fazer, além dos citados acima. Com isso, ao sinal de qualquer alteração na região facial, já se sabe o profissional correto a se procurar”, finaliza o Dr. Fábio Sato.

Dr. Fábio Sato é formado pela Odontologia na USP, é mestre e doutor em Cirurgia Bucomaxilofacial. Sua atuação é focada principalmente na realização de Cirurgia Ortognática para Correção das Deformidades Dentofaciais, Procedimentos Cirúrgicos Estéticos da Face, além de outros procedimentos como Enxertos Ósseos, Cirurgia da ATM, Implantes Dentários e demais relacionados à área.

#ColegioBrasileirodeCirurgiaeTraumatologiaBucomaxilofacial
#Cirurgiaortognatica
#especialistabucomaxilofacial
#cirurgiaobucomaxilofacial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*