Além da máscara, outros acessórios são importantes para viajar em meio à pandemia

Além das medidas de proteção contra o novo coronavírus, o uso de acessórios de compressão graduada é indicado em viagens longas para evitar inchaços e formação de coágulos nas pernas e pés.

As viagens a trabalho ou a lazer, aos poucos, voltam a fazer parte do dia a dia de muitas pessoas.

Depois de meses em quarentena, muitas pessoas e empresas estão deixando o isolamento social para retomar suas atividades. Com isso, as viagens a trabalho ou a lazer, aos poucos, voltam a fazer parte do dia a dia de muitas pessoas. Segundo o médico cirurgião vascular e membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, doutor Gustavo Solano, parceiro da SIGVARIS GROUP – empresa suíça líder no mercado de acessórios de compressão graduada -, embora a orientação das autoridades sanitárias seja para que se façam viagens apenas em casos de necessidade, é importante que, se for preciso viajar, a pessoa fique atenta a algumas dicas importantes:

1. Use máscaras de proteção: “o uso da máscara de proteção é fundamental e, se for possível, a pessoa deve utilizar máscaras com espaço para filtros de papel, pois podem ser usadas por mais tempo, já que é possível apenas trocar o filtro”, diz o médico. Há no mercado opções de máscaras que, além do espaço para o filtro, contam com tecnologia que inativa a ação do novo coronavírus.

2. Carregar álcool em gel 70%: “o álcool em gel 70% é um poderoso antisséptico, capaz de destruir o novo coronavírus, além de outros vírus e bactérias. O ideal é carregar no bolso e usar antes e depois de tocar em superfícies ou cumprimentar alguém e não for possível lavar as mãos”, diz Solano.

3. Use meias de compressão: “se a viagem for de carro ou avião, ficamos inevitavelmente parados muito tempo na mesma posição, o que pode provocar inchaços e a formação de coágulos nas pernas e pés, causando grande desconforto e dores. Por isso, é importante usar meias de viagens, pois são desenvolvidas com tecnologia de compressão graduada para ativar a circulação sanguínea e favorecer o retorno venoso. A sensação é de bem-estar e conforto”, explica o médico.

4. Hidratação: “é sempre necessário ingerir líquidos e hidratar o corpo. Portanto, é imprescindível ter água e outras bebidas de maior valor nutricional, como sucos naturais sempre à mão”, comenta.

5. Alimentos leves: “assim como a hidratação, é igualmente importante ter alimentos de alto valor nutritivo, a fim de evitar qualquer imprevisto por falta de nutrientes no corpo. Para não dar a chance de congestões e enjoos acontecerem, o recomendado é que sejam alimentos leves, como frutas e barras de cereal”, orienta o especialista.

6. Soluções para eventuais enjoos: “seja no automóvel, ônibus, trem ou avião, é comum sintomas de enjoo aparecerem, devido às várias horas sentado na mesma posição. Se esse é o seu caso, consulte seu médico para saber quais medicamentos que combatam o mal-estar possam ser levados com você”, finaliza.

Para as viagens longas a SIGVARIS GROUP possui a linha Traveno, feita com a tecnologia Compress Soft, que proporciona conforto e bem-estar durante e após o uso. A linha Traveno pode ser usada antes, durante e depois das viagens.

Além da meia de compressão graduada, a empresa conta com a SIGVARIS CARE, linha de máscaras de proteção feitas com elastano e fios de poliamida AMNI VIRUS-BAC, que inativa a ação do influenza e do novo coronavírus e elimina bactérias, impedindo que o tecido da máscara seja um meio de propagação de agentes contaminantes. A máscara está disponível em diferentes tamanhos e cores, além de modelos com alças para as orelhas ou fechamento atrás da cabeça. A SIGVARIS CARE conta com bolso interno para a inserção de filtro de papel, permitindo o uso por mais tempo.

@SIGVARISGROUP #AMNIVIRUSBAC #SIGVARISCARE #CompressSoft

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*