Netflix lançará Jadotville, uma história de guerra, heroísmo e coragem

Com direção de Richie Smyth, Jadotville estreia com exclusividade em todos os territórios Netflix em 2016.
Guillaume Canet junta-se a Jamie Dornan em Jadotville.

Guillaume Canet junta-se a Jamie Dornan em Jadotville.

A Netflix lançará o novo thriller de guerra Jadotville, com Jamie Dornan (Cinquenta tons de cinza) e Guillaume Canet (Tell No One), em todos os territórios atendidos pelo serviço em 2016. A Netflix comprou no Festival de Berlim 2015 os direitos do filme cujas filmagens começam em abril. 

Baseado numa história real durante a guerra do Congo, o filme relata a resistência de um pequeno batalhão de soldados irlandeses das Nações Unidas sob o comando de Patrick Quinlan (Dornan) sitiado por 3000 congoleses liderados por mercenários a serviço de mineradoras. Jadotville retrata a tensão e união que levaram ao desfecho do confronto em 1961. Guillaume Canet é um mercenário francês que planeja o ataque contra os irlandeses. 

Força esmagadora

A direção é de Richie Smyth, diretor conhecido no circuito de videoclipes e comerciais (U2, Bon Jovi, The Verve). Kevin Brodbin (Constantine) assina o roteiro. Jadotville será rodado na Irlanda e África do Sul. A produção é de Alan Moloney para a Parallel Films (A toda prova, Albert Nobbs, Byzantium). 

“A forma como Pat Quinlan levou seu batalhão a enfrentar uma força esmagadora sem sofrer uma única baixa é uma das grandes histórias de liderança do século 20. É um enorme prazer colaborar com o talento e dedicação da equipe de Jadotville e levá-lo ao assinante da Netflix”, afirmou Ted Sarandos, chief content officer da Netflix. “Jadotville é uma adição fantástica ao nosso catálogo de filmes estrangeiros originais.” 

“Estamos sempre em busca de novas formas de levar um filme à maior audiência possível. A Netflix reinventou o mercado de TV e está rapidamente transformando a indústria cinematográfica. Estamos honrados e muito empolgados de ser parte do caminho de inovação”, disse Alan Moloney, da Parallel Films.

Deixe um comentário

*