Museu da Casa Brasileira lança nova identidade visual

A nova comunicação visual introduzi uma linguagem jovem e dinâmica e, principalmente, flexibilidade de aplicações.

A nova comunicação visual introduzi uma linguagem jovem e dinâmica e, principalmente, flexibilidade de aplicações.

O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, apresenta sua nova identidade visual a partir de março. O lançamento acontece em continuidade ao processo de reestruturação da área de comunicação do museu, iniciado em 2008, que envolveu o desenvolvimento e a ampliação dos canais de extroversão dos conteúdos do MCB e de interação com seu público. 

Como final da primeira etapa deste processo, em 2014 foi ao ar o novo site do Museu, mais dinâmico e interativo, que marca uma importante etapa na reformulação da comunicação institucional, refletindo o foco desta gestão na consolidação da instituição em suas áreas de vocação, por meio de uma programação cultural viva e diversificada, com forte investimento no serviço educativo e nas ações de acessibilidade. 

Desenvolvido pela empresa Rico Lins +Studio, o novo projeto visual busca alinhamento com o posicionamento institucional do MCB, visando reforçar a percepção da instituição frente a seus múltiplos públicos; o projeto permite ainda atender a diversidade de usos no material de divulgação da programação do Museu, através de uma plataforma versátil, prevendo necessidades atuais e futuras. “Entendemos que o objetivo principal da proposta desenvolvida é a de atualizar graficamente e definir um padrão de identidade visual que ao mesmo tempo garanta o reconhecimento e permita sistematizar os elementos visuais que caracterizam o Museu da Casa Brasileira”, afirma o designer Rico Lins. 

A nova comunicação visual inclui projeto de identidade visual e sinalização, definição tipográfica e paleta de cores para materiais institucionais, introduzindo linguagem jovem e dinâmica e, principalmente, flexibilidade de aplicações. 

A implantação do novo projeto será feita em etapas: a aplicação nos materiais gráficos, tais como folder mensal de programação, convites, banners, comunicação eletrônica e site, será feita a partir de março/2015; ainda não há previsão de data para implantação do projeto de sinalização (saiba mais no site mcb.org.br). 

Rico Lins +Studio 

Fundado em São Paulo em 1995, o +Studio é um desdobramento das atividades internacionais de Rico Lins e equipe, atuando desde 1979 entre Paris, Londres e Nova York. Nesta trajetória, atendeu aos mais variados segmentos do mercado com resultados conectados a um entendimento das necessidades do cliente, baseado na reflexão sobre o histórico, a essência e as perspectivas futuras específicas de cada projeto, construindo o caminho da transformação. 

Os produtos e processos desenvolvidos por Rico Lins +Studio seguem uma abordagem que pode integrar à prática do design metodologias criativas diferenciadas que valorizam e estimulam a interação com conteúdos diversos. Contam com uma rede de profissionais com ampla experiência em design gráfico, ambiental ou de exposições, com suporte editorial, de planejamento, produção e gestão, orquestrando projetos de identidade e linguagem de marcas, produtos e eventos. 

Museu da Casa Brasileira 

O Museu da Casa Brasileira se dedica às questões da cultura material da casa brasileira. É o único do país especializado em design e arquitetura, tendo se tornado uma referência nacional e internacional nesses temas. Dentre suas inúmeras iniciativas, destacam-se o Prêmio Design Museu da Casa Brasileira, realizado desde 1986, e o projeto Casas do Brasil, que promove um inventário sobre as diferentes tipologias de morar no país. 

SERVIÇO:

Museu da Casa Brasileira 

Endereço: Av. Faria Lima, 2.705 – Jd. Paulistano – São Paulo/SP 

Tel.: (11) 3032.3727 

Visitação: De terça a domingo, das 10h às 18h 

Nova política de cobrança de ingressos: A partir de 3 de março, os visitantes do Museu da Casa Brasileira, incluindo os clientes do restaurante Santinho no MCB, pagarão ingresso reajustado no valor de R$ 6 (inteira) ou R$ 3 (meia-entrada).  Crianças até 10 anos e maiores de 60 anos são isentos. Aos sábados, domingos, feriados e aberturas noturnas a entrada permanece gratuita.  

Acesso a pessoas com deficiência / Bicicletário com 40 vagas 

Estacionamento pago no local 

Visitas orientadas: (11) 3026.3913 / agendamento@mcb.org.br 

Site: www.mcb.org.br 

Deixe um comentário

*