Mark Moriarty, da Irlanda, é o vencedor do S.Pellegrino Young Chef 2015

Mark alcançou a vitória após uma emocionante competição entre 20 dos jovens chefs mais talentosos de todo o mundo.

Mark alcançou a vitória após uma emocionante competição entre 20 dos jovens chefs mais talentosos de todo o mundo.

Tudo começou no outono de 2014, com mais de 3.000 jovens chefs se inscrevendo e apresentando os seus pratos emblemáticos no site www.finedininglovers.com.
 
Na sexta-feira (26) à noite em Milão, depois de um emocionante dia de competição, o irlandês Mark Moriarty, representando a região do Reino Unido e Irlanda foi eleito o S.Pellegrino Young Chef 2015. Ele chegou ao topo com seu prato Celeriac baked in barley and fermented hay, cured and smoked celeriac,hazelnut, celeriac and toasted hay tea, com o apoio da sua chef mentora Clare Smyth, que esteve ao seu lado como guia e conselheira.
 
No palco com ele, estavam a peruana Maria José Jordan representando a América Latina, que ficou na segunda colocação, com o seu prato Immortal Technique: Citrus, Rosemary, Gin e norueguêsChristian André Pettersen representando a região da Escandinávia, que ficou em terceiro lugar, com o prato East meets West.
 
“Estou muito feliz com este prêmio. É muito bom ter tido a oportunidade de estar aqui estes dias com pessoas maravilhosas. A conquista do prêmio S.Pellegrino Young Chef 2015 é ótimo para o Reino Unido e Irlanda, e em particular para a Irlanda. Quero agradecer a minha chef mentora, Clare Smyth, pelo enorme apoio e sugestões preciosas que ela me deu”, disse o jovem chef Mark.
 
Mark foi eleito por um júri de sete extraordinários chefs internacionais, também chamados de Sete Sábios:Gastón Acurio, Yannick Alléno, Massimo Bottura, Margot Janse, Yoshihiro Narisawa, Joan Roca e Grant Achatz.

Jovens chefs
 
Neste concurso, S.Pellegrino teve ao seu lado grandes parceiros, como a Escola Internacional de Culinária italiana (ALMA), que selecionou os 10 primeiros finalistas de cada região do mundo. Em seguida, durante a fase final em Milão, a ALMA ofereceu apoio aos jovens chefs e à organização com 25 estagiários, três Chefs Executivos e alguns de seus mais notáveis ​​professores, os Chefs Giovanni Ciresa, Matteo Berti, Cristian Broglia e Piero Di Turi.
 
“A ALMA tem a honra de fazer parte deste evento internacional que faz de Milão a capital de gastronomia e do design – disse Andrea Sinigaglia, gerente geral da ALMA – duas excelências italianas que estão no DNA da nossa escola e que marcarão o percurso profissional desses jovens Chefs. A experiência da seleção foi incrível e envolveu mais de 20 chefs da ALMA, a organização de tudo (ingredientes e materiais) foi um grande desafio, em consonância com a missão da ALMA e com o objetivo do evento”.
 
Graças à parceria com a Vogue Itália, aliada da S.Pellegrino em seu esforço contínuo para descobrir e promover talentos, foram concedidos outros importantes prêmios. Logo antes do anúncio do S.Pellegrino Young Chef 2015, foram atribuídos dois prêmios para a melhor dupla de chefs e designers.
 
A Vogue Itália combinou cada novo jovem chef com um emergente designer. Estes designers idealizaram um traje de moda inspirado no prato emblemático de seu parceiro, dando assim origem a uma fusão sem precedentes entre boa comida e estilo.
 
A dupla representante da América Latina, Maria José Jordan e Paula Cademartori foi selecionada graças aos votos de todos os convidados presentes ao evento, uma plateia formada de VIPS formadores de opinião, chefs e jornalistas internacionais e também pelo voto online por meio do site da Vogue.
 
Por fim, a Vogue Itália elegeu a chinesa Xiao Li como a melhor design da noite, através de um júri liderado por Franca Sozzani, editora-chefe da Vogue Italia, diretora editorial da Condé Nast Italia e Embaixadora Global contra a Fome (WFP), e composto por alguns dos nomes italianos mais influentes no domínio da moda e do design, como Massimo Giorgetti, Ennio Capasa, Alberta Ferretti, Sara Maino, Marlene Taschen e Giò Marconi.
 
Endosso de prestígio

Franca Sozzani também foi homenageada pela parceria com S.Pellegrino, que também contribuiu para o World Food Programmme, projeto de combate a fome em todo o mundo. “Estamos realmente gratos a Franca Sozzani e à S. Pellegrino pelo seu esforço em lutar ao nosso lado contra a fome global” afirmou Adele Rossetti, diretora executiva do World Food Programmme Italia, após o anúncio da doação para o projeto. “Estes recursos terão um efeito real na vida dessas mulheres, mães, agricultoras, professoras e empresárias que possuem a chave para um futuro melhor para elas próprias e para as suas famílias. O apoio ao talento e aos direitos das mulheres é um dos fundamentos do compromisso do World Food Programmme, e a contribuição de parceiros como S. Pellegrino e Franca Sozzani é absolutamente essencial”.
 
O Finedininglovers.com, revista online de gastronomia endossada por S.Pellegrino e Acqua Panna, forneceu e continuará a fornecer aos visitantes conteúdos exclusivos sobre o projeto, com entrevistas, pratos emblemáticos e outras informações relativas aos jovens chefs, aos designers de moda e à Grande Final em Milão. Acesse www.finedininglovers.com/ para saber mais.

Eis a lisa de nomes dos vencedores dos prêmios:
  • S.Pellegrino Young Chef 2015: Mark Moriarty, da Irlanda
  • Melhor Dupla Chef-Designer: Maria José Jordan-Paula Cademartori, da América Latina
  • Melhor Dupla Chef-Designer eleita pela internet: Maria José Jordan-Paula Cademartori, da América Latina
  • Melhor Designer: Xiao Li, da China 

Comments are closed.