Instituto do Câncer ganha passarela e pacientes têm dia de modelo

outubro rosa

Faculdade de Moda Santa Marcelina é responsável pelo figurino das mulheres, que conta com tecidos do estilista Alexandre Herchcovitch; Evento reforça a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama.

Na próxima quarta-feira (29), a partir das 11 horas, quem passar pela entrada do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), órgão ligado a Secretaria de Estado da Saúde e a Faculdade de Medicina da USP, vai se deparar com iluminação especial e uma imensa passarela, por onde pacientes irão desfilar em um “dia de modelo”. A campanha “Mulheres entre lenços e histórias”, realizada em parceria com a Faculdade de Moda Santa Marcelina, marca o final do “Outubro Rosa”, mês destinado a conscientização e combate ao câncer de mama.

O evento vai contar com a participação de 24 “modelos”. As mulheres foram indicadas pelos médicos do Instituto e estão em fase final do tratamento. Nos últimos dois meses, os estudantes de moda da Faculdade Santa Marcelina estiveram no hospital para conhecer as pacientes, seus hábitos, estilos, além de checar as medidas de busto, cintura, quadril e a altura para produzirem um “look” exclusivo para cada uma delas. Os tecidos foram doados pelo estilista Alexandre Herchcovitch.

As participantes do “fashion day” do Icesp também serão produzidas pelos profissionais Marcio Krahkeke, Ivan Stringhi e a equipe do Projeto Tesourinha, especialistas em acessórios e cabelo, respectivamente. A maquiagem vai ficar por conta da equipe de estilo da empresa Payot. Como não poderia faltar, fotógrafos vão registrar toda a performance das modelos na passarela.

“Enquanto enfrentam a doença, as mulheres também precisam aprender a redescobrir sua beleza. A autoestima elevada tem sido associada a baixos níveis de depressão e tensão, favorecendo a recuperação social e física. Nosso principal objetivo é resgatar a esperança e o ânimo de quem vivencia o tratamento oncológico”, explica a coordenadora de humanização Maria Helena Sponton.

A ação tem o objetivo de chamar a atenção das pessoas para a importância do diagnóstico precoce de câncer de mama, que, no Brasil, responde por 22% de novos casos de tumores por ano, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca). No Icesp, o grupo de Mastologia realiza mais de 1,2 mil atendimentos por mês, entre consultas médicas e cirurgias.

O Instituto do Câncer do Estado de São Paulo fica na avenida Dr. Arnaldo, 251 – Cerqueira César (próximo à estação Clínicas, na linha verde do metrô).

 

Deixe um comentário

*