Fórum das Letras de Ouro Preto tem início nesta quarta, com a presença de mais de 100 autores

Evento acontecerá até 2 de novembro, em Ouro Preto, e reunirá autores nacionais e internacionais que discutirão sobre literatura, arte e política.

Evento acontecerá até 2 de novembro e reunirá autores nacionais e internacionais que discutirão sobre literatura, arte e política.

Começa nesta quarta-feira, 29 de outubro, o Fórum das Letras Ouro Preto, já consagrado como um dos mais importantes eventos do gênero no país. Com o tema “Escritas em Transe“, o encontro contará com a presença de renomados autores que discutirão as relações entre literatura, arte e política. Escritores internacionais, como a espanhola Care Santos, a hondurenha Julia Oliveira, a portuguesa Lídia Jorge, a mexicana María Teresa Atrián, o iraniano Mohsen Emadi e o suíço Patrick Straumman, além dos brasileiros Adriana Calcanhotto, Ana Paula Maia, Audálio Dantas, Eliane Brum, Eric Nepomuceno, Fabrício Carpinejar, Férrez, Frei Betto, Geneton Moraes Neto, Leonardo Sakamoto, Mário Magalhães, Mário Prata, Paulo Markun, Raphael Montes, Ricardo Kotscho, Santiago Nazarian e Tico Santa Cruz, entre muitos outros, estarão presentes no festival literário.

Promovido pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), o Fórum das Letras será realizado até domingo, 2 de novembro, e promete agitar a cidade histórica mineira com debates, intervenções artísticas e diversas outras atividades gratuitas em seus principais pontos turísticos. Toda a programação é gratuita e pode ser acessada pelo site www.forumdasletras.ufop.br.

Em 2014, o Fórum apresentará seis diferentes atrações: Programação Principal, Ciclo Jornalismo e Literatura, Fórum das Letrinhas,Ciclo de Debates e #DasLetras, novo espaço dedicado especialmente para o público jovem. Paralelamente, será realizado também o Fórum das Letras Jurídicas, organizado pelo curso de Direito da UFOP.

Um dos momentos mais importantes desta edição será a assinatura da carta de intenção da Primeira Casa Refúgio do Brasil, com a presença do diretor do International Cities of Refuge Network (ICORN), Helge Lund. O Fórum das Letras também receberá a representante de ICORN no Brasil, Sylvie Debs; assim como dois escritores atualmente hospedados pelo ICORN: o poeta Mohsen Emadi (Irã) e a poeta Julia Olivera (Honduras) para discutir a condição em que vivem e viveram essas vítimas da luta pela liberdade de expressão.

Programação Principal

Realizada no Cine Vila Rica e com o patrocínio do BNDES, a programação principal do evento contempla profundas discussões sobre a produção literária e a relação dos autores com suas respectivas obras e a contemporaneidade, refletindo as análises e reflexões de personalidades essenciais para a cultura brasileira. Alguns destaques serão as mesas “Reflexões à margem da histórica“, com Cláudio Aguiar, Frei Betto e Mário Magalhães; “Herzog: símbolo da liberdade de expressão“, com Audálio Dantas, Paulo Markun e Ricardo Kotscho; “1964: crônica de um golpe anunciado”, com Heloísa Starling, Lucília Neves e Nilmário Miranda; e “O Brado Retumbante: a reconquista da democracia no Brasil”, com Geneton Moraes Neto, Lira Neto e Paulo Markun.

Ciclo Jornalismo e Literatura

Audálio Dantas, Daniela Arbex (Tribuna de Minas), Eliane Brum (El País), Luiza Villaméa (Revista Brasileiros), Mário Magalhães,Natália Viana (Agência Pública) e Ricardo Kotscho (Record News) são os nomes confirmados pela curadora Marta Maia, professora de Jornalismo da UFOP e curadora da área. As mesas programadas debaterão os temas “Escritas do desassossego“, “Escritas da ausência” e “Escritas da experiência” e serão realizadas no Grêmio Literário Tristão de Ataíde (GLTA). No domingo, 2 de novembro, o editor da revista Época, João Gabriel de Lima, ministrará a oficina “Jornalismo e literatura: escritas criativas“.

 Fórum das Letrinhas

Incentivar o hábito da leitura, desde o início, é um dos principais objetivos do Fórum das Letrinhas, projeto infantojuvenil que integra o Fórum das Letras de Ouro Preto. A iniciativa, coordenada pela pedagoga Tereza Gabarra, é voltada para escolas da rede pública e privada de Minas Gerais e inclui palestras com autores, lançamentos de livros, jogos literários, apresentações teatrais e oficinas de criação, contribuindo assim com a transformação social e cultural de milhares de crianças e adolescentes. Em 2014, a programação incluirá 19 ações diferentes, realizadas em espaços distintos, como a Tenda da Vale, Biblioteca Pública de Ouro Preto e Museu da Inconfidência, além de instituições de ensino de Ouro Preto e região. Um dos destaques da programação promete ser a oficina ministrada pelos quadrinistas Eduardo Damasceno e Luís Felipe Garrocho, no dia 31 de outubro.

Ciclo de Debates

Realizado no Anexo do Museu da Inconfidência, o Ciclo de Debates lança luz sobre as questões práticas relacionadas à literatura, ao mercado editorial e políticas públicas voltadas para o universo do livro. Para esta edição, já está confirmado o debate “Políticas públicas para a literatura no Brasil“, com Mansur Bassit (diretor-executivo da CBL – Câmara Brasileira do Livro), Suzete Nunes (coordenadora-geral de Literatura e Economia do Livro – DLLLB/ Ministério da Cultura) e Volnei Canônica, coordenador do Programa Prazer em Ler.

#DasLetras

Outra novidade desta edição do Fórum das Letras será a realização de uma programação inteiramente dedicada ao universo jovem e com debates a respeito de questões comportamentais que interessam a pessoas de todas as idades. Ana Paula Maia, Fabrício Carpinejar, Tico Santa Cruz e Férrez já confirmaram presença. Sites, blogs e outras experiências literárias também estão em pauta e serão debatidos por nomes da nova geração de autores brasileiros como Clarice Freire e Pedro Gabriel. A programação conta ainda com a revelação da literatura policial brasileira, o carioca Raphael Montes. A curadoria do #DasLetras é de Cilza Bignotto.

Fórum das Letras Jurídicas

Os debates sobre questões relacionadas aos direitos humanos, relações trabalhistas no século XXI, entre outros, serão o foco do Fórum das Letras Jurídicas, que será realizado paralelamente, organizado pelos coordenadores do curso de Direito da UFOP. O jornalista Leonardo Sakamoto é uma das confirmações do encontro.

Deixe um comentário

*