Comida di Buteco anuncia bares campeões em SP nesta segunda-feira

Após um mês de concurso, o público conhecerá os botecos e os petiscos mais votados hoje, dia 25/5.
Bolinho de jaca, do Rancho Nordestino, um dos petiscos concorrentes do Comida di Buteco em SP.

Bolinho de jaca, do Rancho Nordestino, um dos petiscos concorrentes do Comida di Buteco em SP.

A noite desta segunda-feira (25/05) é uma data muito aguardada para o público e para os bares participantes do Comida di Buteco. É neste dia que acontece a Saideira, evento em que serão anunciados os vencedores da 4ª edição do concurso em São Paulo. Com o tema Frutos no Brasil, os botecos tiveram que ousar e apostar na criação de petiscos que levassem uma fruta na receita.

Foram 30 dias de botecagem pelos 49 bares participantes dessa edição na capital paulista, entre 10 de abril a 10 de maio. O público e o júri especializado foram os responsáveis por avaliar os tira-gostos concorrentes. Cada um deles contribuiu com 50% da avaliação. Tanto para os jurados como para o público, foram dadas notas de 1 a 10 sobre a higiene, o atendimento, a temperatura da bebida e o petisco (que tem 70% do peso da nota final).  O Vox Populi é o instituto responsável pela apuração dos votos.

Cidades participantes

Neste ano, o Comida di Buteco chegou a mais quatro cidades, subindo de 16 para 20 participantes. Os municípios estreantes foram Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Brasília (DF) e Recife (PE). Além deles, participaram do concurso Belém (PA) e Manaus (AM), representantes da região Norte; Fortaleza (CE), Salvador (BA), pelo Nordeste; e Goiânia (GO), no Centro-Oeste. No sudeste, região com a maior concentração de cidades participantes, estão São Paulo, Campinas, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto (todas em SP), Rio de Janeiro (RJ), e Belo Horizonte (berço doComida di Buteco), Uberlândia, Montes Claros, Juiz de Fora, Poços de Caldas e Vale do Aço (Timóteo, Coronel Fabriciano e Ipatinga), em Minas. Haverá uma Saideira em cada cidade participante do concurso para o anúncio dos bares e dos petiscos vencedores.

Ícones da cultura

Criado em Belo Horizonte, Minas Gerais, o Comida di Buteco vem cumprindo, desde 2000, um importante papel de fomento à cozinha caseira e desenvolvimento dos pequenos estabelecimentos do setor. Concurso pioneiro nesse universo, é um dos maiores responsáveis por contribuir para legitimar o boteco como um importante ícone da cultura e gastronomia do Brasil. 

São anos de histórias de vida transformadas pela força de um evento que mobiliza milhões de pessoas, em várias cidades do Brasil, em volta das mesas dos botecos. Uma trajetória marcada por muita criatividade, envolvimento do público, geração de empregos e mais de 380 receitas novas a cada edição. O concurso já inscreve um legado à cozinha brasileira e ainda ganha mais força ano a ano, consolidando-se como plataforma socioeconômica em cada uma das cidades onde é realizado.

Graças à sua dinâmica e formato, estimulando a visitação aos bares participantes, o concurso alavanca o desenvolvimento do boteco e do próprio setor como um todo. A mensuração de resultados realizada pela organização aponta, a cada ano, crescimento do impacto na cadeia produtiva relacionada.

Números de 2014 (16 cidades participantes)

Votos: 400 mil

Tira-gostos vendidos: 340 mil

Empregos gerados: 3.900

Mídia espontânea: R$ 40 milhões

Pessoas impactadas: 4 milhões

Números dos 15 anos de concurso

Mais de 20 milhões de pessoas impactadas

Cadeia de valor de 350 milhões

R$ 100 milhões em mídia espontânea

Mais de 2 milhões de votos

Comments are closed.