Certificação Digital ajuda a eliminar mais de 42 bilhões de folhas de papel

A tecnologia permite realizar diversos processos no mundo eletrônico com validade jurídica.

A tecnologia permite realizar diversos processos no mundo eletrônico com validade jurídica.

A Nota Fiscal Eletrônica, desde sua implementação, em 2006, possibilitou que cerca de 10,6 ilhões de Notas Fiscais (NE: Dado extraído do site http://www.nfe.fazenda.gov.br/ no dia 9 de dezembro de 2014), não fossem impressas, graças ao uso do Certificado Digital para a emissão do documento, que garante a segurança e a transparência na troca de informações no meio eletrônico. Ao todo, nesse período, mais de 42,4 bilhões de folhas de papel não foram utilizadas, uma vez que cada Nota Fiscal física tinha 4 vias. 

E ainda há outros fatores positivos que adicionam valor ao uso da Certificação Digital. “A tecnologia permite realizar diversos processos no mundo eletrônico com validade jurídica. Com o e-CPF ou o e-CNPJ, por exemplo, é possível assinar digitalmente qualquer tipo de documento, com apenas alguns cliques e na hora e no local mais oportuno para o signatário. Isso ajuda o meio ambiente, reduz custos e concede celeridade à rotina de pessoas físicas e jurídicas, evitando deslocamentos desnecessários”, explica Julio Cosentino, vice-presidente da Certisign. 

SERVIÇO:  

Certisign

A Certisign é precursora da Certificação Digital na América Latina e já emitiu ao longo dos seus 18 anos de atividade mais de 6 milhões de Certificados Digitais. Líder do segmento, está presente em todos os estados do país e conta com mais de 1.400 Pontos de Atendimento no Brasil. Possui uma unidade de negócio especializada no desenvolvimento de produtos e soluções para pequenas, médias e grandes empresas, que buscam integrar a Certificação Digital no dia a dia, para assim desfrutarem dos benefícios da tecnologia com a confiança necessária para atuarem no mundo digital. Para mais informações, acesse www.certisign.com.br.

Deixe um comentário

*