A importância do plano de metas para o seu negócio

 Seja num mar revolto ou num céu de brigadeiro, a melhor estratégia para as empresas, independentemente de seu tamanho e segmento, é obstinadamente trabalhar com metas, e metas atingíveis.

Ricardo: seja num mar revolto ou num céu de brigadeiro, a melhor estratégia para as empresas é trabalhar com metas atingíveis.

Por Ricardo José Alves*

Planejar é preciso, mesmo diante do cenário de incertezas políticas e de turbulências na economia do País, com queda no PIB, aumento do desemprego e alta da inflação. Seja num mar revolto ou num céu de brigadeiro, a melhor estratégia para as empresas, independentemente de seu tamanho e segmento, é obstinadamente trabalhar com metas, e metas atingíveis. O inatingível desanima e traz a sensação de falta de capacidade, qualificação e competência. E o resultado pode ser desastroso.

A partir do entendimento de que o planejamento é a base de uma gestão eficiente, o segundo passo é compreender o tempo correto para a definição dos objetivos da empresa, assim como as estratégias para que eles sejam alcançados com sucesso. Entramos no segundo semestre e já é hora de começar a esboçar o plano de metas para o próximo ano. Os esforços devem estar voltados para que a proposta seja analisada, revisada e aprovada pela direção ainda em 2015. Desta forma, toda a equipe de colaboradores saberá em busca de quais resultados deverá trabalhar logo no primeiro dia de trabalho de 2016. Ganha-se tempo e a empresa sai na frente.

Não há segredos para a criação de um plano de metas adequado. A fórmula é simples: defina os objetivos, estipule como irá medir os resultados, determine prazos para que as metas sejam cumpridas e crie recompensas.  

A definição do plano deve envolver os líderes de todas as áreas. Cada departamento estabelece as suas próprias metas, que são compartilhadas e alinhadas de acordo com a missão e a visão do negócio. E cada meta deve, sim, ter um responsável. É mais fácil e eficiente cobrar de um do que de toda uma equipe. 

Acompanhe constantemente a aplicação do plano de metas da sua empresa. Manter sob controle o desempenho do que foi pré-estabelecido pode evitar surpresas desagradáveis e permitir, ainda, mudanças de rotas em tempo hábil de se evitar o caos. Uma boa forma de colocar essa medida em prática é implantar na rotina da organização a apresentação do status de cada ação.

Recompense sempre e inclua nesta política todos os níveis de colaboradores. Administrar pessoas é oferecer a elas não apenas as melhores condições para que possam desempenhar o seu trabalho, mas também desafiá-las a cumprir objetivos. E recompensá-las por isso. 

E por fim, não tenha medo de rever metas, para mais ou para menos. Erros e imprevistos acontecem e, no momento em que a incerteza aparecer, é importante contar não apenas com o feeling dos gestores, mas também com a experiência da equipe. Por isso, permita-se estar cercado de bons profissionais.

A receita não tem mistérios. Coloque a mão na massa e planeje!

*Ricardo José Alves, 44, é presidente do Grupo J. Alves, fundou o Griletto em 2004, que tornou uma rede de franquia quatro anos depois.  Em setembro de 2014, adquiriu a rede de culinária rápida Montana Express e Montana Steaks.

Comments are closed.