5 de outubro é dia de comprar do pequeno negócio

Movimento Compre do Pequeno Negócio busca incentivar o consumo de produtos e serviços de micro e pequenas empresas.

Movimento Compre do Pequeno Negócio busca incentivar o consumo de produtos e serviços de micro e pequenas empresas.

A próxima segunda-feira vai se tornar uma data especial no calendário do Brasil. Neste ano, o Sebrae lançou o Movimento Compre do Pequeno Negócio, que envolve toda a sociedade e terá o seu ponto alto no dia  5 de outubro. A ação pretende usar a força dos pequenos negócios – mais de 10 milhões de empresas no Brasil, que faturam até R$ 3,6 milhões por ano – para fortalecer a economia.

Com o Movimento, os consumidores são estimulados a escolher os pequenos negócios na hora de fazer suas compras diárias. A data de 5 de outubro foi escolhida por ser o Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa. O Sebrae acredita que a força das micro e pequenas empresas é uma saída para a crise econômica e pretende mostrar para o consumidor que, ao comprar de um pequeno negócio, ele ajuda a gerar empregos e a movimentar toda a economia.

Em todo o Brasil

O 5 de outubro será celebrado em todo o Brasil. Em Alagoas, por exemplo, uma nova Sala do Empreendedor será inaugurada em Maceió, no bairro do Jacintinho, e uma loja modelo vai receber empresários, lojistas e potenciais empreendedores em visitas guiadas por consultores que vão demonstrar boas práticas de merchandising, layout da vitrine, iluminação ideal para valorizar os produtos, entre outros itens, que podem ser aplicadas em qualquer modalidade de comércio varejista.

No Amazonas, peças de artesanato e produtos alimentícios serão expostos e vendidos no shopping Manaus Via Norte; no Rio Grande do Sul haverá feiras de pequenos negócios na sede do Sebrae em Porto Alegre e nas regionais da instituição no estado. No Pará os 1,8 mil feirantes do mercado Ver o Peso, que foram capacitados para vender mais no dia 5 de outubro, estarão vestidos com avental, boné e camisetas do Movimento Compre do Pequeno Negócio.

Comments are closed.